O que é Urban Jungle – Tendência de Decoração

Categorias: Casa - Decoração - Dicas - Plantas - Tendências - Urban Jungle

A expressão se refere a uma nova forma de decorar e que tem como principal ideia trazer elementos da natureza para mais perto de moradores das grandes cidades.



Você talvez já tenha ouvido a expressão urban jungle quando procurou por novidades para decorar sua casa, pois é esta uma das novas tendências quando o assunto é decoração. Mas qual é a proposta desse estilo que cada vez mais vai ganhando adeptos nos grandes centros? Você vai saber tudo aqui.

O que é a tendência Urban Jungle?

A expressão se refere a uma nova forma de decorar e que tem como principal ideia trazer elementos da natureza para mais perto de moradores das grandes cidades. Em outras palavras, urban jungle é tendência que vai levar o verde para a sua casa.

A crescente urbanização que acontece em boa parte do mundo afasta cada vez mais as pessoas do contato direto com a natureza, e isso impacta diretamente na qualidade de vida delas. Por sentirem falta desse convívio mais próximo com a natureza, muitos buscam criar espaços em suas próprias residências para o verde. É daí que surge a urban jungle, que traduzindo significa selva urbana.

Urban Jungle é possível em apartamento

Talvez você já tenha tido vontade de aderir a esta tendência e esteja se perguntando se esse novo modelo de decoração pode ser aplicado na sua casa ou apartamento, mesmo que este espaço seja um tanto pequeno. A resposta é sim, é possível transformar qualquer ambiente em um lugar onde o verde possa estar presente. Não é necessário morar em um local que possua uma grande área para trazer um pouco da natureza para perto.



Urban jungle: decoração contemporânea

A decoração urban jungle utiliza alguns elementos da natureza, mas diferente de uma decoração rústica, ela apresenta elementos contemporâneos. É como se fosse uma decoração Industrial bem mais suavizada (confira os estilos de decoração no link www.tintas.net.br/2021/01/28/estilos-de-decoracao-qual-e-o-seu), sempre com muita luz e espaços bem arejados. Como é esta uma tendência para moradores de áreas urbanas, apresenta aspectos e elementos que estão de acordo com a vida moderna também.

É na verdade uma decoração que vai promover a integração de alguns elementos da natureza como metais e palhas, com outros presentes no estilo de vida atual. A proposta dessa integração se apresenta também na escolha de quadros com paisagens ou almofadas que tenham nas estampas alusões a elementos naturais como folhas e flores por exemplo. A pintura das paredes tende a ser com cores que estão presentes na natureza, como alguns tons de verde e o cinza.

Como escolher as plantas

As plantas podem trazer ao ambiente uma sensação de bem estar, muitas delas têm a propriedade de fazer a renovação do ar que respiramos. E escolher bem as espécies, de acordo com a residência, é importante para que essas possam estar sempre bonitas e viçosas. Para escolher as plantas que farão parte da decoração urban jungle, é bom que antes sejam analisados alguns aspectos, como o espaço que há para elas, se o ambiente oferece bastante luz e também o tempo que dispomos para o cuidado.

Devemos também refletir sobre o tempo que dispomos para cuidar das plantas que vamos comprar. Algumas necessitam de cuidados maiores que outras. Naturalmente que todas exigirão de nossa parte uma atenção, mas há aquelas para as quais essa atenção tem que ser um pouco menor. Certas espécies precisam ser regadas menos vezes que outras, por exemplo.

Existem algumas espécies que necessitam de iluminação direta enquanto que outras precisam apenas de locais onde haja bastante claridade. Por isso, apartamentos que possuem uma sacada onde há a luz do sol podem receber plantas que exigem luz direta, enquanto que outros que não têm esse espaço talvez sejam adequados apenas para aquelas que possam receber apenas uma iluminação indireta.

A opção para espaços menores pode ser um jardim vertical, que pode ser feito com a utilização até de pallet, onde podem ser colocadas as plantas que assim não ocuparão espaço no piso. Há a possibilidade também de colocá-las suspensas no teto. Lojas especializadas têm à venda alguns suportes para plantas que podem ser utilizados para acomodar várias espécies em um mesmo canto da casa. Por isso, não há porque desistir do projeto apenas por falta de espaço.

Espécies que se adaptam a ambientes que não recebem muita luz são bastante recomendadas para os apartamentos menores com pouco espaço. Necessitando apenas de uma claridade indireta, são mais fáceis de se adaptar. Entre as plantas recomendadas estão: o antúrio, a jiboia, rosa de pedra ou echeveria, as samambaias, as suculentas, árvore da felicidade, mini cacto, bromélia, violeta, entre outras.

Se a residência possui um lugar onde há bastante luz do sol de forma direta, como em algumas varandas, a escolha pode ser por plantas que se adaptam bem a essa condição. Algumas dessas plantas que exigem ou suportam uma grande exposição ao sol são: a espada de São Jorge, babosa, crassula, azaleia, jade e palmeira fênix.

Por Henri



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Posting....